Polícia Civil troca tiros com assaltantes que invadiram empresa e fizeram reféns. Um bandido morreu!

Um assaltante morreu, outro foi baleado e um terceiro crimino foi preso durante troca de tiros com policiais civis na noite de ontem durante roubo em uma empresa em Goiânia.  Com os criminosos os policiais apreenderam três revólveres.

Após troca de informações, agentes do 15º Distrito Policial, do Grupo Anti Roubos a Bancos da Deic, e da equipe tática da Polícia Civil (GT3) realizaram uma operação com o objetivo de realizar a prisão de uma organização criminosa, especializada em roubos a estabelecimentos comerciais. A organização criminosa, descobriram os agentes, já havia realizado pelo menos dois roubos, o último deles na quarta-feira passada em uma casa de bolos.

Ontem à noite, os assaltantes realizariam um assalto, onde pretendiam roubar R$ 30 mil do empresário responsável pelo estabelecimento, que fica no Setor Enoresarial. No momento em que invadiram a empresa, os assaltantes foram surpreendidos pela Polícia Civil, ocasião em que, mesmo diante de 14 funcionários e o dono da empresa, que foram mantidos como reféns, trocaram tiros com os agentes.

No confronto, dois bandidos, um deles de 16 anos, foram baleados. O menor foi socorrido e nedicsdo, mas outro assaltante Luiz Alberto Ferreira da Cruz, 23, morreu. O terceiro  criminoso, Felipe Teodoro Leite, foi rendido, preso e autuado em flagrante pelos crimes de tentativa de latrocínio, porte ilegal de arma de fogo, corrupção de menores e organização criminosa.

Na ação foram apreendidos três revólveres, e recuperado um veículo que havia sido roubado pelo trio esta semana.




Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: