Alvaro Dias pede intervenção do governo brasileiro para proteger senadores na Venezuela

AE – O senador Alvaro Dias (PSDB-PR) lamentou, nesta quinta-feira (18), a situação dos senadores brasileiros na Venezuela, que tiveram o ônibus bloqueado por manifestantes favoráveis ao governo do presidente Nicolás Maduro. Alvaro fez um apelo ao governo brasileiro para que socorra os parlamentares.

“O que ocorre na Venezuela é um atentado ao Congresso Brasileiro e à democracia. Há que se exigir do governo do nosso país uma pronta intervenção. Extrapolaram os limites do bom senso ao interferirem em uma caminhada pacifica de parlamentares brasileiros”, disse.

Os senadores Paulo Paim (PT-RS) e Ana Amélia (PP-RS) também compartilharam a opinião de Alvaro Dias e lamentaram o episódio.

O senador Ricardo Ferraço (PMDB-ES), que está na Venezuela, informou que a comitiva, também composta pelos senadores Aloysio Nunes Ferreira (PSDB-SP), Aécio Neves (PSDB-MG), José Agripino (DEM-RN), Ronaldo Caiado (DEM-GO), Sérgio Petecão (PSD-AC), Cássio Cunha Lima (PSDB-PB) e José Medeiros (PPS-MT), teve que retornar ao aeroporto.

“Estamos voltando ao aeroporto. Continuamos sitiados, sem condições de continuar a missão humanitária, de solidariedade a presos políticos”, disse Ferraço.

Aécio Neves ressaltou que os parlamentares foram ao país para defender a democracia e, até agora, o governo venezuelano demonstrou pouco apreço por ela. Para ele, a agressão foi ao Congresso Brasileiro e não somente aos parlamentares.

Bloqueio

Ao sair do aeroporto, os senadores encontraram bloqueadas as vias de acesso ao presídio onde se encontra Leopoldo Lopez, líder do partido Vontade Popular. Ele foi preso por fazer oposição ao governo, assim como o ex-prefeito de Caracas, Antonio Ledezma, e o ex-prefeito de San Cristobal, Daniel Ceballos.

O bloqueio foi feito por cerca de 100 manifestantes, que, inclusive, apedrejaram o ônibus em que a comitiva se encontra. O senador Ronaldo Caiado (DEM-GO) chegou a filmar o ataque.




One thought on “Alvaro Dias pede intervenção do governo brasileiro para proteger senadores na Venezuela

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: